Abetone foi uma deliciosa surpresa. Acredito que as viagens se tornam mágicas de acordo com o clima e as pessoas que são nossos acompanhantes.

Como estávamos no nosso sabático na Itália (AQUI), mais precisamente em Florença, parte da família veio nos visitar e passar as festas de final de ano juntos.

A ideia era ir para uma estação de esqui e ficamos entre Cortina d’Ampezzo e Abetone que era a mais próxima a Firenze.

A viagem em si já foi uma farra e quase um mico! Primeiro pegamos o trem em Firenze até a cidade de Pistoia e levou cerca de 40 minutos. Achamos melhor que alugar dois carros pois estávamos em 9 pessoas.

Em Pistoia, que também fica na Toscana, pegamos o ônibus 54 para Abetone que demorou mais de uma hora com muitas paradas, com direito a alunos das escolas da região que vão em pé e descem a todo momento e muitas, muitas curvas fechadas!

Boa opção para rir ou chorar de arrependimento, mas escolhemos rir, e muito!

De Pistoia para Abetone – Pelo menos a estrada estava sem neve

Quando chegamos já nos animamos com a graça que é a cidade que estava com pouca neve e apenas duas estações abertas.

Ficamos no Residenza Miramonti, na Via Brennero, 528. (AQUI)

O hotel era simples mas a avaliação no site é 8,7 (fabuloso) pois era central, espaçoso, com um staff super educado e prestativo. Ótimo custo benefício!

O hotel

Chegamos em um horário em que a cozinha já estava fechada, mas o chef nos recebeu super bem, resolveu abrir a cozinha e fazer um verdadeiro banquete com várias entradas: frios, pães com patês e trufas, bruschettas, entre outras coisas.

Fez uma série de pratos e serviu risoto, flan de legumes, massa, salada, vinhos da região, que são deliciosos e uma sobremesa gourmet. No post Quanto custa morar na Itália (AQUI) falo sobre a sequência dos pratos na Itália.

Assim, ficamos horas e horas na mesa como bons italianos.

Abetone
Antipasto
Flan de legumes
Tudo caprichadinho

As lojinhas são muito charmosas e não achei caro.

A noite toda iluminada e com clima de Natal, foi perfeita para comprarmos muitos vinhos, pães, prosciutto crudo, queijos e fazermos uma festa no quarto que mais parecia um apartamento com sala, cozinha, varanda, tudo espaçoso e com uma vista linda.

Abetone
Vista do Quarto

Fomos até a estação Val de Luce que estava aberta e almoçamos em uma pizzaria deliciosa por lá mesmo, super típica!

img_3166

boneco de neve
Feito por nós!
Noite as quatro

Das estações acredito ser uma das mais simples, mas com muito charme, e tem um clima delicioso! As pessoas são extremamente hospitaleiras e simpáticas.

Centro de Abetone

Como disse no início, as viagens são fruto de um conjunto de circunstâncias e essa foi genuinamente especial pela saudade que todos estavam, pelo clima de festas e férias e a alegria daqueles momentos únicos em que conseguimos reunir a família!

Aproveito para contar como reservamos alguns dos hotéis em viagens mais longas e meio sem rumo certo, como gostamos muito de fazer.

Reservei esse hotel através do site booking.com (AQUI) e minha experiência em reservar hotéis pelo site com apenas alguns dias antes de viajar, tem sido positiva pois sempre consigo muitos descontos gênius por viajar sempre.

Quando fizemos o caminho de Santiago de Compostela (post AQUI), reservávamos o próximo hotel um dia antes ou no mesmo dia com os descontos gênius.

Em Capri ficamos num hotel muito bom com vista inacreditável por qualquer lugar que estivéssemos e pagamos cerca de 250 reais com café da manhã, justamente por termos reservado um dia antes. #Ficaadica

capri
Faraglioni- a vista do nosso quarto em Capri
capri
Essa era a praia do Hotel
Vista das escadas do hotel

Viagem em família é bom demais! São nesses momentos que esquecemos o celular, as mídias e nos concentramos no que realmente importa que é fazer desses pequenos momentos, grandes eventos!

Compartilhe com seus amigos!

8 thoughts on “Abetone

  1. Viajar em família é preciosoooooooo !!!!
    Ainda mais quando cada um mora em um lugar diferente!
    Ficar com todo mundo junto e misturado, fazer as refeições juntos, brincar e conviver, é o máximo!!!
    Adorei Aninha !
    :))

Comments are closed.